Holantec :: Consultoria em Fruticultura
       
Consumo diário de frutas previne doenças comuns de outono e inverno
 
         
fotos/noticias/frutas.jpg As frutas são ricas em vitaminas, fundamentais para reforçar a nossa saúde nesta época do ano. Elas aumentam nossa proteção contra vírus que causam gripes e resfriados. “Eu estudei a relação da dieta com as doenças respiratórias, asmas e alergias. A gente verificou a importância de uma dieta adequada na manutenção deste sistema imunológico. Quem ingere alimentação industrializada, muito pobre em alimentos naturais, tem tendência a desenvolver doenças respiratórias”, explica Aline Schneider, nutricionista.
Cada tipo de fruta tem uma função específica. A vitamina C está nos cítricos como a laranja, a bergamota e o kiwi. “A vitamina C é bem conhecida das pessoas, é o antioxidante que vai proporcionar às células de defesa a resistência e o combate às infecções. A gente precisa de 80 miligramas por dia, que seria em torno de duas laranjas pequenas ou duas tangerinas pequenas para suprir a necessidade. Ela precisa ser ingerida diariamente, não adianta em um dia comer quatro laranjas e aí passar dois dias sem ingerir nada”, diz Aline.
Para reforçar as células de defesa é importante comer frutas ricas em betacaroteno. Neste grupo estão o mamão, o melão e a manga. “A gente deveria ingerir pelo menos oito a dez gramas de betacaroteno por dia, isso seria mais ou menos uma fatia grossa de mamão por dia”.
Se a luta é contra o envelhecimento, a uva e o mirtilo são ricos em substâncias que combatem os radicais livres e ainda ajudam a evitar inflamações, como as infecções respiratórias tão comuns nesta época. “O mirtilo vem sendo reconhecido como a fruta da longevidade, devido à altíssima capacidade antioxidante. Em torno de duas colheres de sopa por dia já supriria esta necessidade antioxidante diária do organismo. Ele pode ser consumido fruta por fruta e ainda ser preparado na forma de geleias, cremes, em bolos e tortas”.

As frutas secas também são importantes aliadas na proteção do sistema de defesas do organismo. A amêndoa, a castanha e o damasco suprem as nossas necessidades de vitamina E e Selênio, que juntos ajudam a combater os radicais livres. Só que neste caso, o consumo precisa ser moderado. “As frutas secas são ricas em gordura, que é o que acrescenta estas calorias a mais em relação as outras frutas. A quantidade adequada seria 30 gramas por dia, que equivale três castanhas grandes ou duas colheres de amêndoas, de nozes ou de castanhas por dia, seria quantidade recomendada adequada”.

A nutricionista lembra que o ideal é consumir a fruta porque nos sucos a gente não ingere as fibras. As fibras atuam na flora intestinal fazendo com que os nutrientes sejam absorvidos.

         
       
         
 
Holantec Consultoria em Fruticultura

Rodovia Raposo Tavares, km 256
C.P.: 506 | CEP: 18725-000
Distrito Campos de Holambra
Holambra | SP

Fone: (14) 99687-0080 Elcia
(14) 99866-3436 Cris

holantex@uol.com.br
www.holantec.com.br

DEVELOPED BY JT COMUNICATION FROM BRAZIL 2013 | ALL RIGHTS RESERVED | www.jtcomunicacao.com.br